Carbonara

20120511-100855.jpg
Outro dia fui a uma cantina italiana, em São Paulo, para almoçar. O lugar era bem simples mas tinha um Buffet típico e bem gostoso. Depois de comer polenta e galeto de entrada fui dar uma olhada nas massas. Estavam dispostas, já cozidas, em uns réchauds e ao lado haviam molhos tradicionais. Logo atrás dos molhos havia um senhor vestido de cozinheiro, segurando uma panela com alguns ingredientes dispostos em potes ao redor de um fogareiro. Logo pensei que eu poderia escolher os recheios, os molhos e a massa. Sai pedindo:
– Eu quero tomate, cebola, presunto e …
– Não senhor. Eu faço o Carbonara! – disse rispidamente o cozinheiro.
– Tudo bem, disse eu, mas eu quero tomate…
– Senhor eu faço o Carbonara. Se o Senhor não quiser, é só pegar o prato, colocar a massa, escolher o molho e comer. Eu faço o Carbonara!
Fiquei constrangido e coloquei espaguete com molho bolonhesa e fui comer…voltei lá duas semanas depois quando eu já havia contado essa história para meu primo, que me deu a maior bronca por não ter pedido o Carbonara, que, segundo ele, deveria ser o melhor da cidade.
Peguei meu prato, enchi de Penne e disse:
– Carbonara – falei assim como quem já é de casa.
– Pois não Senhor – respondeu o cozinheiro com um sorriso no rosto.

Bom, comi um excelente Carbonara, fiquei prestando atenção no velhinho e ontem saiu aqui em casa este Penne à Carbonara. Não ficou igual mas ficou delicioso!

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s